Congregação das Irmãs Franciscanas

de Nossa Senhora das Vitórias

NOTÍCIAS

PARTILHA

Entradas no Aspirantado e no Postulantado

“Vinde e vede” foi a frase que Jesus usou para convidar aos dois jovens que desejavam saber onde Ele morava. Eles ao ouvirem este convite foram decididos ver e ficaram com Ele aquele dia (Cf Jo 1, 39).

Assim, também sucedeu no passado dia 13 de Junho do ano corrente, na comunidade de Santa Clara de Assis Likuyu Mandela – Tanzania, Província de Nossa Senhora de Fátima, Moçambique, três jovens ao escutarem o mesmo convite que o Senhor as faz para irem ver, e também no Congo, Righini, Província do Cristo Rei, uma jovem aspirante deu entrada na etapa do Postulantado; cheias de entusiasmo e coragem deixaram-se desafiar ao entrarem na etapa do Aspirantado. Estas, seduzidas por Cristo aceitaram fazer uma experiência de amor d’Aquele que as chamou a segui-Lo de mais perto. Aceitam esta proposta de irem ver onde Ele mora porque percebem que o Senhor chama apenas aqueles que Ele ama com um amor de predileção peculiar, diz o profeta Isaías “Eu te chamo pelo nome porque és precioso a meus olhos, porque te aprecio e te amo… (Is 4,2-4)”. Portanto, aqui se pode observar e perceber que não é qualquer chamamento, e que não é por capricho, é antes por amor e, por ser precioso aos olhos d’Ele. Dizer sim a esse amor que se adianta primeiro é graça que Ele mesmo concede, dizia a nossa querida fundadora Irmã Wilson: “A vocação religiosa é a maior graça que Deus dá a criatura humana, por isso, a maior ingratidão e infidelidade é recusá-la (Ir. Wilson)”.

Este sim, que elas com vigor deram passa de uma experiência desse amor, o sentirem-se queridas e apreciadas por aquele que as chama. Dizer sim, é comprometimento, é cooperar com esse amor singular e especial. É belo e maravilhoso acolher a este desafio neste mundo de hoje rodeado de tantas vozes falsas, de tantas promessas incertas, de tantos barrulhos que deturpam a atenção de quem quer silenciar para escutar a voz que fala no coração. É admirável! Parabenizamos às nossas jovens pela coragem e determinação com que começam esta caminhada vocacional confiando todos os seus passos ao Senhor. Imploremos ao mesmo Senhor que acolha este propósito e conceda-lhes quanto elas necessitam neste processo, sobretudo o Seu Espírito Santo.  

PARTILHA